I.m.P.e.r.m.a.n.e.n.c.e

Sem nossos adereços familiares, enfrentamos apenas nós mesmos, uma pessoa que não conhecemos, um estranho enervante com quem vivemos o tempo todo, mas nunca realmente quisemos nos encontrar. Não é por isso que tentamos preencher cada momento do tempo com barulho e atividade, mesmo chato ou trivial, para garantir que nunca fiquemos em silêncio com esse estranho por conta própria?
– Sogyal Rinpoche, o livro tibetano da vida e da morte.

Diretora, Escritora e Produtora: Sada Mamedova

 

Translate*